Apoio e Assistência Remota

Sensível ao expressivo aumento do número de idosos em situação de risco e/ou isolamento que tem sido registado, a Fundação PT celebrou com diversas instituições protocolos destinados a suportar parcialmente os custos decorrentes de vários projetos, destinados a minorar as consequências desse tipo de situações através de soluções de teleassistência que permitam manter os idosos nos seus domicílios, evitando a sua institucionalização prematura mas assegurando-lhes o indispensável acompanhamento.

Nesse contexto foram celebrados protocolos com as seguintes entidades:

Câmara Municipal de Lisboa (Programa S.O.S. Lisboa); União das Misericórdias Portuguesas (UMP); Câmara Municipal de Vila Franca de Xira; Câmara Municipal de Ponta Delgada; Associação Adenorma; Associação Não à Solidão; Centro Social e Paroquial de São Nicolau; Geraz com Querença; CM Covilhã; CM Loures; CM Celorico de Bastos; Engenho; Coração Delta/Cáritas Beja; Coração Delta (CM Évora); Município Seia e C. S. Comendador Melo Pimenta.

A generalidade dos referidos protocolos teve em conta as necessidades e expectativas indicadas por cada um dos diferentes parceiros.

      

Facebook Twitter Google+