Recursos Inclusivos chegam a mais 3 bibliotecas nos Açores 5 Nov

Recursos Inclusivos chegam a mais 3 bibliotecas nos Açores

Este mês, mais três bibliotecas escolares dos Açores passaram a beneficiar de soluções tecnológicas de acessibilidade às comunicações abrangendo um universo superior a 200 alunos.

Resultante de uma parceria estabelecida entre a DREA e a Fundação PT, no passado dia 2 de novembro, no auditório da Escola Básica Integrada da Maia, a Diretora Geral da Fundação PT, Graça Rebocho, entregou as soluções tecnológicas de acessibilidade às comunicações a três novas bibliotecas escolares - EBI da Maia, ES de Laranjeiras e ES de Nordeste – integradas no Projeto “Todos Juntos Podemos Ler”.

O Projeto «Todos Juntos Podemos Ler - Açores», desenvolvido com a parceria da Fundação PT, e já implementado em doze Unidades Orgânicas, desde o ano letivo de 2015/2016, pela Rede Regional de Bibliotecas Escolares dos Açores, tem como principal objetivo proporcionar oportunidades de leitura para todos os alunos através da criação de bibliotecas escolares inclusivas que asseguram reais oportunidades de leitura para todos os alunos assim como se devem assumir como espaços de excelência para o desenvolvimento das literacias da leitura, dos média e da informação e como garante da igualdade de oportunidades quer em contexto sociocultural, quer em situação de aprendizagem.

A Fundação PT, parte integrante do universo Altice Portugal, tem-se afirmado como motor de uma nova lógica social que assenta na inclusão digital das populações com necessidades especiais. As soluções tecnológicas de acessibilidade às comunicações apoiadas subsidiadas pela Fundação PT, adaptadas às necessidades dos cidadãos com deficiências, possibilitam o acesso à atividade escolar, profissional e social deste segmento da população, contribuindo assim de forma estruturada para aInclusão Social de todos.

A Carta de Compromisso assinada entre a Direção Regional da Educação e a Fundação PT, em setembro de 2015, tem permitido dotar as Bibliotecas Escolares, de doze Unidades Orgânicas (EBI Roberto Ivens, EBI Ribeira Grande, EBI Capelas, EBI Arrifes, EBS Povoação, EBS Tomás de Borba, EBI Água de Pau, EBI Rabo de Peixe e EBI Praia da Vitória, e as três novas escolas: EBI da Maia, EBS de Nordeste e EBS de Laranjeiras), de software e equipamentos que, não só facilitam a comunicação como permitem a construção de recursos inclusivos que proporcionam reais oportunidades de leitura acessível a todos os alunos. Pelo quarto ano consecutivo, o Projeto «Todos Juntos Podemos Ler - Açores», chegará a 209 alunos. 

.

Facebook Twitter Google+